Você está planejando permanecer saudável?

Será que planejamos o suficiente?

O ato de planejar está presente ao longo de toda a nossa vida. O primeiro contato que temos com o ato de planejar, geralmente está ligado à profissão. Já quando pequenos nos perguntam, o que gostaríamos de ser quando crescer. 

E mesmo que a resposta seja algo bobo, como super-herói, é interessante como até uma criança já vê a importância de pensar no futuro.

O segundo contato com o ato de planejar, geralmente vem na forma de um planejamento financeiro. Começamos a pensar em quanto queremos trabalhar, com quantos anos vamos nos aposentar, e com quanto vamos viver os nossos últimos dias.

Mas e o mais importante? E a nossa saúde? Até porquê… Do que adianta formação acadêmica, e vida financeira plena, se não houver saúde para aproveitar essas coisas?

Aprenda a pensar sua saúde de forma planejada.

 

Em dúvida sobre qual tipo de convênio é o melhor para você?

conheça a melhor opção para sua saúde e para o seu bolso

 

Será que pensamos em quanto gostaríamos de viver? Quanto do crescimento dos nossos filhos e netos gostaríamos de participar, e não menos importante, o quanto de nossas vidas gostaríamos de passar saudáveis?

Geralmente não pensamos nisso…

Será que há maneiras de planejar a nossa saúde? Será que posso escolher com quantos anos ficarei doente?

Obviamente não podemos controlar totalmente a nossa vida, mas podemos sim, viver muito mais se tivermos um planejamento responsável da nossa saúde.

+ Leia nossas Dicas de Saúde e decida permanecer saudável!

Um exemplo disso é a expectativa de vida das mulheres que chega a ser de 5 a 10 anos maior do que a do homem, certamente um dos fatores para esta vitória das mulheres sobre os homens, é a preocupação com a própria saúde, que as mulheres, em geral, apresentam.

Hoje em dia, com os exames atuais, o conhecimento sobre nutrição, e a tecnologia medicamentosa que nós temos, a expectativa de vida aumentou em média 30 anos de 1910 até os anos 2000, passando de 33 anos para 64.

E desde os anos 2000, até atualmente já conseguimos subir a expectativa de vida em mais 10 anos, tendo agora, o brasileiro médio, uma expectativa de vida de 75 anos… Imagine o que você pode fazer nos próximos 20 anos?

Claro que o planejamento é algo a ser feito com um profissional médico, em uma consulta médica. Mas há alguns exemplos importantes a ser destacados…

Vamos ajudar você a escolher o Melhor Convênio Médico.

conheça a melhor opção para sua saúde e para o seu bolso

+ Veja mais sobre Exames Preventivos

Cuidados preventivos para os homens…

Para os homens é de extrema importância se preocupar com a saúde do coração, já que as doenças cardíacas são muito mais comuns em homens, do que em mulheres.

Conquanto, Ecocardiografia, teste ergométrico, dosagem do colesterol, são alguns dos muitos exames que devem ser feitos com frequência no homem, nunca também nos esquecendo da próstata, que nos dá tanto problema na nossa terceira idade.

Cuidados preventivos para as mulheres…

Mas e a mulher? Bem… Certamente, a saúde das mamas e do útero são de extrema importância para elas.

Então a ultrassonografia transvaginal, a coleta do papanicolau, e a mamografia são os exames mais comuns, sempre com uma preocupação com a densidade dos ossos em sua melhor idade.

Tanto mulheres quanto homens podem, e devem, fazer exames periódicos para um planejamento da saúde, bom e responsável.

Então fica a pergunta…
Já planejou a sua saúde hoje?

+ Conheça os prazos de Atendimento dos Convênios Médicos Particulares

Fontes: Site IBGE/ Site Scielo

3 Alimentos com Glúten para cortar já!

Vamos explicar agora os principais alimentos que você tem que tirar da sua
mesa e da sua família pois eles são os maiores vilões da saúde.
 
Porém, antes de falar sobre os alimentos em si, vamos entender melhor o que é o Glúten.
 

O que é o Glúten?

O glúten é um tipo de proteína que pode ser encontrada nos cereais como trigo, centeio ou cevada. Quando é colocado em água, o glúten é o que dá a consistência flexível e semelhante a cola, característica da massa criada com farinha de trigo.

A ingestão de alimentos com esses cereais faz mal para quem tem intolerância ao glúten, como os doentes celíacos, pois eles não conseguem digerir bem essa proteína e, por isso, quando consomem alimentos com glúten ficam com sintomas como diarreia, dor e inchaço abdominal.

Os alimentos com glúten que engordam são principalmente aqueles que também têm gordura e sal como ingredientes, como é o caso dos bolos, das bolachas e dos biscoitos, por exemplo.

Porém, alimentos como pão ou torradas, apesar de terem glúten, só engordam se forem consumidos em grandes quantidades ou acompanhados de outros alimentos ricos em gorduras ou carboidratos, como geleia ou manteiga.

+Conheça todos os tipos de Convênios Médicos:  plano odontológico, planos individuais, plano coletivo por adesão e plano de saúde empresarial)

Seu organismo corre risco!

Alguns alimentos podem matar o organismo de dentro pra fora, isso porque são alimentos ricos em glúten, que por sua vez provoca: inchaço abdominal, sensação de barriga estufada e além disso, ainda temos outros sintomas relacionados à intolerância ao glúten.

Alimentos ricos em glúten, como dito anteriormente, podem causar vários danos à saúde e ao funcionamento do organismo e por isso de preferência deve ser retirado da sua mesa. 

Alimentos que normalmente incluem glúten são: massas, pães, biscoitos, bolos, temperos industrializados, caldo de carnes, cervejas, salgadinho hambúrguer e outros vários produtos industrializados.
 
A  lista é extensa, mas quero me concentrar com você em 3 alimentos que englobam as categoria massas, doces e temperos.
 
 
 

3 Alimentos que contêm glúten e podem causar vários danos à sua  saúde.

  1. Temperos prontos: como caldinhos de carne tem alta concentração de glúten. Nossa dica é, faça seus próprios temperos em casa.
  2. Doces: já cheios de açúcar são também ricos em farinha branca e outras crocrâncias que misturados viram um veneno.
  3. Pizzas – alimento rico em conservantes e aditivos, as pizzas são muito saborosas, entretanto possuem grandes quantidade de carboidratos refinados e glúten.

Mantenha esses alimentos fora da sua alimentação até seu corpo entrar em equilíbrio.

Como plus nossa grande dica é o acompanhamento e checapes regulares. Cuide-se!

Conheça os melhores planos de saúde do mercado com preços acessíveis. Faça uma simulação em nosso site ou entre em contato conosco. 

 

Fonte: Canal Dr. Juliano Pimentel

4 Dicas para diminuir a Diabetes

Neste artigo vamos compartilhar 4 Dicas para diminuir a Diabetes, entretanto como de costume, vamos explicar primeiro o que é essa doença.

O que é a Diabetes?

Diabetes é uma doença crônica, onde a quantidade de glicose no sangue é muito elevada porque o pâncreas não produz qualquer insulina ou não produz insulina suficiente, para ajudar a glicose a entrar nas células do corpo – ou a insulina que é produzida não funciona adequadamente (conhecido como resistência à insulina).

A Diabetes é dividida em 2 Tipos.

Dormir depois do almoço faz bem ou faz mal?
+ Leia nossas Dicas de Saúde e decida permanecer saudável!

Diabetes Tipo 1

A diabetes tipo 1 é uma doença auto-imune. O sistema imunológico, que é suposto proteger de corpos estranhos, como vírus e bactérias, ataca e destrói as células beta do pâncreas que produzem insulina.

A insulina normalmente move a glicose do sangue para as células, onde é convertida em energia. No entanto, na diabetes tipo 1, porque o corpo é incapaz de produzir insulina, não há insulina para mover a glicose para fora da corrente sanguínea para as células.

Sem insulina, o organismo decompõe sua própria gordura e músculo, levando à perda de peso. Na diabetes tipo 1, isso pode levar a um estado grave de curto prazo, onde a corrente sanguínea se torna ácida juntamente com um estado perigoso de desidratação.

+Conheça todos os tipos de Convênios Médicos:  plano odontológico, planos individuais, plano coletivo por adesão e plano de saúde empresarial

Sintomas:

  • Necessidade de ir mais vezes ao banheiro
  • Maior sensação de sede e necessidade de beber mais água
  • Cansar-se mais rapidamente
  • Perda de peso

 

 

Em dúvida sobre qual tipo de convênio é o melhor para você?

conheça a melhor opção para sua saúde e para o seu bolso

 

Diabetes Tipo 2

A diabetes tipo 2 desenvolve-se quando o corpo não consegue produzir insulina suficiente ou quando a insulina produzida não funciona corretamente.

A diabetes tipo 2 é muito mais comum. Cerca de 90% das pessoas têm diabetes tipo 2, que é diagnosticada frequentemente na idade adulta. No entanto, adolescentes e jovens adultos com excesso de peso também estão a desenvolver este tipo de diabetes com uma frequência crescente.

O risco de desenvolver tipo 2 aumenta se a pessoa não está fisicamente ativa ou tem excesso de peso, pois isso faz com que as células do corpo se tornem resistentes aos efeitos da insulina.

Na fase inicial da diabetes tipo 2, pequenas alterações na dieta para perder peso e um aumento da atividade física pode ser tudo o que é necessário para alcançar um nível normal de glicose no sangue.

A diabetes tipo 2 geralmente afeta pessoas com mais de 40 anos de idade, embora pessoas cada vez mais jovens estejam também a ser afetadas.

+ Leia também: 10 dicas para escolher o melhor convênio médico
Os 5 Melhores Convênios Médicos

Sintomas:

A diabetes pode causar vários sintomas. Os sintomas comuns a ambos os tipos de diabetes são:

  • Sensação de muita sede;
  • Urinar com frequência, especialmente à noite;
  • Sensação constante de fadiga;
  • Perda de peso;

4 Dicas para diminuir a Diabetes

  1. Dieta Low Carb – a baixa ingestão de carboidrato reduz a produção de insulina do pâncreas.
  2. Vinagre de maçã – eficiente na prevenção dos picos de insulina após as refeições. Faça a ingestão de 2 colheres por dia, na comida ou salada.
  3. Atividades Físicas Regulares – principalmente os exercícios aeróbicos.
  4. Consumir proteínas – o consumo de proteínas de maneira geral. Ovos por exemplo é uma proteína de alto valor energético e deve ser incorporado ao seu cardápio.

Como plus, nossa grande dica é o acompanhamento e checkups regulares. Cuide-se!

Conheça os melhores planos de saúde do mercado com preços acessíveis. Faça uma simulação em nosso site ou entre em contato conosco. 

 

Você já fez seu exame de dosagem do ácido úrico?

O exame de dosagem do ácido úrico avalia as quantidades dessa substância no sangue. O ácido úrico é um subproduto das purinas, compostos encontrados nas células do corpo, incluindo o DNA.

 Quando as células envelhecem e morrem, elas se quebram, liberando purinas para o sangue. Em menor grau, as purinas podem vir a partir da digestão de certos alimentos, como fígado, anchova, feijão e ervilha, ou da ingestão de bebidas alcoólicas, principalmente cerveja.

O ácido úrico é removido do corpo através dos rins e é excretado principalmente na urina, sendo que uma parte também é eliminada nas fezes. Se o corpo está produzindo grandes quantidades de ácido úrico ou ele não está sendo corretamente excretado, ocorre a chamada hiperuricemia. Altos níveis de ácido úrico no sangue podem causar gota ou se depositar nos rins, causando a formação de cálculos ou insuficiência renal.

A dosagem de ácido úrico no sangue pode ser feita para:

  • Diagnosticar gota
  • Checar se o cálculo renal está ocorrendo devido ao acúmulo de ácido úrico
  • Acompanhar pacientes que estão fazendo quimioterapia ou radioterapia. Esses tratamentos destroem as células cancerígenas, que podem liberar purinas e ácido úrico no sangue.

Para o exame de ácido úrico é necessário um jejum mínimo de três horas antes da coleta de sangue.

Para saber como fazer esse e outros exames, conheça os melhores planos de saúde do mercado com preços acessíveis aqui em nosso site

Cuide-se!

Encontre o melhor Plano de Saúde!

Se você ainda não possui um plano de saúde para sua empresa ou para sua família, nós vamos encontrar o melhor para você!

REDUZIMOS SEU CUSTO EM ATÉ

30%

Se você já tem um plano de saúde, e está pagando mais do que deveria! Nós podemos reduzir o seu custo mantendo seus benefícios